Frutas vermelhas: conheça os benefícios

Por Cláudio Gouveia - qua 21 nov, 12:12 pm

Entre os poderes das “berries” está a melhoria das funções cerebrais.

As “berries” são grandes aliadas da saúde. Ricas em propriedades antioxidantes e antiinflamatórias, essas frutas são pouco calóricas, excelentes fontes de vitaminas, minerais e fibras, além de fontes de compostos bioativos. “Têm o poder de atrasar o declínio cognitivo em até 2,5 anos, segundo pesquisas, reduzindo doenças como o Parkinson e Alzheimer, por exemplo. São capazes, ainda, de agir na redução do colesterol, no fortalecimento do sistema imunológico e na prevenção de doenças cardiovasculares”, afirma Flávia Morais, coordenadora da área de nutrição da rede Mundo Verde.

Esses superalimentos têm cascas cujas colorações vão de vermelho a arroxeado. Alguns exemplos deles são a amora, a framboesa, o morango, o mirtilo, a cereja, a uva escura, a cranberry, o açaí, a romã, a ameixa, a jabuticaba e a goji berrie, fruta vermelha originária do noroeste da China e do Tibete, novidade no mercado brasileiro.

As frutas vermelhas são ricas em antioxidantes como antocianinas e flavonóides, além de concentrar alto teor das vitaminas C e E. “Essas são as substâncias responsáveis por neutralizar a ação dos radicais livres, moléculas responsáveis por causar danos ao organismo, combatendo o envelhecimento precoce e reduzindo os riscos de diabetes, do desenvolvimento do câncer e de doenças cardíacas, além de atuar na melhoria das funções cerebrais, da imunidade e da visão”, completa Flávia.

O consumo das “berries” deve ser regular, nas formas de polpa congelada, in natura ou desidratadas. Isso aumentará o aproveitamento de seus benefícios.

Fonte: Revista Fator

Comentar